Laser de CO2 Fracionado (RJ) | Espaço Saúde Rio

Clínica de Dermatologia e Estética

(21) 2535.9077 | 3874.3134 | Rua Jardim Botânico, 600, sala 403/404, Jardim Botânico

Laser de CO2 Fracionado (RJ): o que você precisa saber antes de começar o tratamento

Laser de CO2 Fracionado (RJ): o que você precisa saber antes de começar o tratamento


Conheça os benefícios do Laser de CO2 Fracionado (RJ)

Conheça os benefícios do Laser de CO2 Fracionado (RJ)

Para quem deseja melhorar a aparência das estrias, a solução recomendada é o Laser de CO2 Fracionado (RJ). “O aparelho tem excelentes resultados no tratamento das estrias antigas, aquelas mais esbranquiçadas. Esse tipo de estria é como cicatriz e, por isso, é de difícil remoção”, explica a dermatologista Monica Linhares. Conheça mais sobre o Laser de CO2 Fracionado (RJ).

Como funciona o aparelho?

O Laser de CO2 Fracionado (RJ) funciona por meio de microfeixes de luz que aquecem a pele com profundidade e precisão, atingindo até as menores regiões. “Dessa forma, o tratamento faz leves lesões na pele e que, ao cicatrizarem, estimulam a produção de colágeno e levam a um estiramento da pele. Nas estrias, o procedimento atua na melhora da coloração e do relevo, deixando a área mais uniforme a as marcas menos evidentes”, diz a especialista.

Para o que é indicado?

Além das estrias, o Laser de CO2 Fracionado (RJ) pode ser usado no rejuvenescimento da pele, na melhora das manchas, na remoção de cicatrizes em geral e também na diminuição da flacidez. “Ele é uma ótima opção de tratamento para rugas, já que consegue atingir diversas superfícies da pele, nivelando sua estrutura e estimulando a produção de colágeno nas áreas em que atinge”, ressalta.  O Laser de CO2 Fracionado (RJ) também pode ser utilizado em cirurgias estéticas, como na ninfoplastia (cirurgia íntima) e blefaroplastia a laser (cirurgia de correção de bolsas nos olhos e pálpebras).

Quantas sessões são necessárias?

“O número de sessões pode variar de acordo com os objetivos do paciente, podendo ir de duas até cinco sessões. A periodicidade também varia de acordo com a indicação do dermatologista, indo de 45 dias até três meses”, comenta Dra. Monica. A reavaliação para verificar a necessidade de reaplicação do laser deve ser feita anualmente ou a cada seis meses.

Quais são os cuidados antes do tratamento?

Antes de apostar no Laser de CO2 Fracionado (RJ), é necessário fazer uma avaliação com seu dermatologista. “Algumas vezes é preciso fazer um tratamento preventivo para herpes e bactérias sete dias antes da aplicação do laser”, conta a especialista. Antes da sessão, a pele precisa estar limpa e desengordurada. Dependendo da área tratada, são usados cremes anestésicos que devem ser aplicados trinta minutos antes do procedimento. “Outro ponto que vale destacar é que preciso evitar fazer o tratamento com a pele bronzeada, já que isso pode aumentar as chances do aparecimento de manchas escuras”. O uso de ácidos e cremes é permitido até dois dias antes do procedimento.

Converse com a especialista e agende uma consulta clicando aqui

E depois?

Após o tratamento com no Laser de CO2 Fracionado (RJ), é comum o paciente apresentar vermelhidão, que pode durar de 30 a 45 dias, e inchaço na pele, que costuma durar 15 dias. Para melhor cicatrização e recuperação, são prescritos alguns cremes pelo dermatologista. “Como a pele está mais sensível, é indispensável o uso do protetor solar diariamente na área tratada, com fator mínimo de proteção de 30 para o corpo e 50 para o rosto”, destaca a médica.

Quais são as contraindicações?

O tratamento é contraindicado em pacientes com pele muito bronzeada, com tendência a cicatrizes, além de pessoas com doenças fotossensíveis, como vitiligo e lúpus. Também não deve ser feito por quem tem herpes em atividade ou outras infecções na pele. O Laser de CO2 Fracionado (RJ) não deve ser feito em pessoas que fazem o uso contínuo de alguns medicamentos (como os fotossensibilizantes e os anticoagulantes orais).

Conheça mais informações sobre o Laser de CO2 fracionado.

Conclusão

Conforme vimos no texto, o Laser de CO2 Fracionado (RJ) é um dos tratamentos mais indicados para combater as estrias, principalmente as antigas (esbranquiçadas). O aparelho emana microfeixes de luz que queimam a pele e, durante a recuperação, estimulam a produção de colágeno. O tratamento também é indicado para rugas, cicatrizes, manchas e flacidez. A técnica é contraindicada para quem tem pele bronzeada, tendência a cicatrizes, doenças fotossensíveis e infecções na pele. Antes de apostar no Laser de CO2 Fracionado (RJ), é preciso ser feita uma avaliação junto ao seu dermatologista.


Informações do Autor

Monica Linhares

Dra. Mônica Linhares - Médica Dermatologista Diretora Técnica da Clínica Espaço Saúde Rio. Saiba mais em: http://espacosauderio.com.br/clinica/

Sem comentários

Publicar comentário

/* */