calvície masculina | Espaço Saúde Rio

Clínica de Dermatologia e Estética

(21) 2535.9077 | 3874.3134 | Rua Jardim Botânico, 600, sala 403/404, Jardim Botânico

Conheça 5 mitos e verdades sobre a calvície masculina

Conheça 5 mitos e verdades sobre a calvície masculina


 

Ainda em clima de Dia dos Pais, o artigo de hoje veio para esclarecer mais dúvidas sobre a calvície (alopecia androgênica), doença que ataca cerca de 42 milhões de brasileiros, segundo dados da Sociedade Brasileira para Estudo do Cabelo (SBEC). Como vimos em post anterior, a queda de cabelo trata-se, na maior parte dos casos, de um problema genético, causado pela conversão do hormônio masculino (testosterona) para uma forma mais concentrada do mesmo (di-hidrotestosterona), gerando um desequilíbrio hormonal tóxico. “Com isso, há uma miniaturização do pelo, ou seja, uma redução do comprimento dos fios, além de um processo de afinamento do cabelo”, explica a dermatologista Monica Linhares. Para mais informações, confira abaixo 5 mitos e verdades sobre a calvície.

1) Usar boné/chapéu vai me deixar careca? Mito!

Ao contrário de algumas crenças populares, o uso de boné não possui nenhuma influência em relação à progressão da doença. “Apenas recomendo cuidado para quem tem cabelo oleoso. Como o couro cabeludo fica abafado dentro do boné/chapéu, pode haver uma descamação do mesmo, o que pode prejudicar a qualidade dos fios e gerar caspa”, ressalta a especialista.

2) Jovens têm calvície? Verdade!

A calvície progride de forma lenta, então pode ser difícil encontrar algum adolescente totalmente careca. Mas, de fato, os jovens podem apresentar quadros de calvície. “Normalmente, isso ocorre no final da adolescência, quando os hormônios estão mais ativos. Vale destacar que 25% dos homens com alopecia perdem os fios antes dos 21 anos”, salienta Dra. Monica. Ao primeiro sinal de queda de cabelo, procure um dermatologista para que ele indique a melhor forma de tratamento.

Converse com a especialista e agende uma consulta clicando aqui.

3) Aplicar gel para os cabelos pode me deixar careca? Mito!

Assim como o uso do boné, o gel para cabelos – em excesso – apenas influencia na qualidade dos fios de cabelo, que ficam mais ressecados, fracos e quebradiços, mas o produto não interfere de maneira alguma no curso da doença. “Esses chamados ‘agentes externos’ não costumam ter influencia na progressão da calvície, que é um problema que ataca, principalmente, quem tem predisposição genética”, destaca.

4) O estresse tem influência na calvície? Verdade!

Situações de estresse podem acarretar algo chamado de eflúvio telógeno, que é uma queda intensa de cabelo. Esse problema pode surgir após traumas físicos e emocionais, após o parto, após algumas doenças e infecções, com o uso de alguns medicamentos, entre outros fatores. “Apesar  de causar um queda considerável dos fios, esse eflúvio tende a parar com o tempo. O principal problema é que isso pode desencadear um início de alopecia androgênica”, conta a dermatologista.

5) Sol acelera o processo de queda de cabelo? Mito!

O sol também se encaixa na categoria “agente externo” que, como visto, não tem influência na progressão da alopecia. Porém, a exposição direta ao sol queima a queratina dos fios, deixando-os quebradiços. “É importante destacar que a cabeça é uma área que deve estar sempre coberta. Homens que já têm um quadro de calvície, apresentando falhas nos cabelos, devem proteger a região com filtro solar específico. Converse com seu dermatologista sobre o produto certo a ser usado”, finaliza Dra. Monica.

Veja mais sobre nossos tratamentos corporais.

Conclusão

A predisposição genética é a principal causa de calvície. Agentes externos como bonés, produtos capilares e sol não possuem nenhum tipo de influência no curso da doença. Apesar de menos comum, jovens podem, sim, apresentar quadros de alopecia androgênica. O acompanhamento dermatológico é fundamental para a análise e o tratamento. Vimos também que o estresse pode desencadear eflúvio telógeno, que é uma queda intensa e temporária de cabelo, mas que, em alguns casos, pode estimular o surgimento da calvície.

 


Informações do Autor

Monica Linhares

Sem comentários

Publicar comentário